PorkWorld - O Mega Portal da Bovinocultura de Corte Brasileira

Censo do Agro Brasil começa em outubro

Levantamento não era feito desde 2006 e os primeiros dados saem em junho de 2018...

Quinta-feira, 10 de Agosto de 2017 às 12h30

Censo do Agro Brasil começa em outubro
Censo do Agro Brasil começa em outubro
Censo do Agro Brasil começa em outubro

Onze anos depois do último Censo Agro realizado no Brasil, começa em outubro o levantamento que vai mostrar o tamanho e a importância da Agricultura e Pecuária do país. O assunto foi o mais debatido durante um workshop para jornalistas realizado nesta terça-feira de manhã, em São Paulo, numa promoção da Associação Brasileira de Agricultura e Pecuária (ABAG), Associação Nacional de Defesa Vegetal (ANDEF), Conselho de Informações sobre Biotecnologia (CIB); Instituto Nacional de Processamento de Embalagens Vazias (INPEV) e Sindicato Nacional da Indústria de Produtos para Defesa Vegetal (SINDIVEG).

A atividade foi realizada no dia seguinte ao 16º Congresso Brasileiro do Agronegócio, realizado no Sheraton WTC São Paulo Hotel, na capital paulista, e que discutiu o tema “Reformar para Competir”, reforçando a ideia de construção de um Brasil moderno, competitivo e sustentável em todos os sentidos. No evento, Roberto Olinto, presidente do Instituto Brasileiros de Geografia e Estatística (IBGE), e Antonio Corrêa, presidente da ABAG, assinaram um convênio para celebrar justamente a realização do novo Censo Agropecuário do Brasil. E entre os debatedores do Congresso, destacaram-se o presidente do BNDES, Paulo Rabello de Castro; o ex-ministro do Trabalho, Almir Pazzianotto; o embaixador Rubens Barbosa; o ex-ministro da Fazenda, Rubens Ricupero, além dos jornalistas Augusto Nunes, Carlos Sardenberg e William Waack.

O workshop reuniu 25 jornalistas de veículos especializados em Agronegócio dos estados de São Paulo, Minas Gerais, Goiás, Mato Grosso, Mato grosso do Sul, do Paraná e Rio Grande do Sul. “O Agro brasileiro de onze atrás certamente não é o mesmo de hoje. Queremos, e precisamos, saber destes dados para planejar ações, fazer estudos e lutar por projetos de investimentos e crédito”, explicou Luiz Cornacchioni, diretor executivo da ABAG. O último levantamento nacional do setor foi realizado em 2006. O trabalho deste ano vai ser feito integralmente com recenseadores utilizando computadores e o levantamento deve demorar pelo menos seis meses. Começa em outubro deste ano e termina em fevereiro de 2018. Os primeiros dados devem ser divulgados em junho. “O Censo é, provavelmente, a ação mais importante para o setor neste ano. Precisamos da ajuda de todos para que o trabalho seja bem feito e siga o planejado”, concluiu Cornacchioni.

O novo Censo Agro ficou paralisado durante mais de dois anos por causa da falta de verbas. No ano passado, foi aprovado um aporte de R$ 1,7 bilhão, mas o valor não foi aprovado. Neste ano, o IBGE conseguiu R$ 700 milhões e um concurso público foi realizado no primeiro semestre para contratação de temporários exclusivos para o trabalho. 5,3 milhões de estabelecimentos agropecuários serão visitados em todo o Brasil. Unidades de produção dedicadas total ou parcialmente a atividades agropecuárias, florestais e aquícolas. Serão quase 30 mil pessoas levantando informações no campo. Os resultados finais serão conhecidos em dezembro de 2019. “A gente reviu o projeto e buscou simplificar questionário, tempo de entrevistas, postos de coleta, equipamentos, etc. Tudo para termos um resultado eficiente e respeitando o cronograma”, afirmou Vando da Paz Nascimento, coordenador técnico do Censo Agro em São Paulo.

Fonte: Revista Beef – Revista Ave – Revista Pork 

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Receba FREE a Revista on-line e a Newsletter Semanal
Ave World - O Mega Portal da Avicultura Brasileira